Inclusão

Categories: Trabalhos

0

RELATÓRIO FINAL DE ESTÁGIO SUPERVISIONADO Dando conclusão ao Estágio Supervisionado em Matemática l, tendo em vista a necessidade de uma experiência prática, quero começar meu relato caracterizando a escola em que cumpri este primeiro periodo de estágio. A Escola Estadual Prof. Esli Garcia Diniz está localizada em um bairro comercial, atende aos Ensinos Fundamental e Médio e à EJA. Ela é composta de dezenove salas de aula, uma biblioteca, um laboratório de química e duas salas de informática. age A clientela da es aixa e média, que r está localizada no ce clientela e de jovens que, depois de um di OF2 nos de classe social entes à mesma que o do noturno a dia, e pais e mães vão a escola. É um momento muito rico, onde se forma um clima de novo, de descobertas, incertezas e dúvidas que ao longo do Estágio foram se quebrando e quando estava começando a pegar gosto com algumas oportunidades de regência que surgiram e onde fui aproveitado pelos professores, é hora de encerrar.

Durante essa etapa, percebi que a professora não tem uitos recursos, trabalha de forma habitual, ou seja, apenas ditava os assuntos e os alunos escreviam, quase sempre trazia a matéria pronta em cartolina que colava na lousa, não usou fichas de trabalho, slides ou vídeos, simplesmente corrigia os exercícios d S vien dando as respostas que os alunos copiavam. Segundo Freire (2005, p. 6): “A educação autêntica, repitamos, não se faz de A para B ou de A sobre B, mas de A com B, mediatizados pelo mundo. ” E qual não foi minha surpresa ao perceber que apesar das ificuldades existentes alguns alunos demonstravam interação, interesse e aprendizado. Os professores foram cooperativos e receptivos à minha permanência na sala de aula, alguns me deram conselhos valiosos e de outros achei melhor descartar os conselhos, no geral aprendi muito com todos.

Os alunos ficaram curiosos, em algumas salas aumentou a indisciplina, em outras salas eles ficavam mais tranquilos contrariando a expectativa que a professora me incutia na sala dos professores, pude interagir com alguns ajudando com as suas arefas e teve um caso em especial que ajudei um aluno com deficiência mental a realizar uma tarefa e após o mesmo obter êxito, sensibilizou-me a desenvolver um projeto para ajudar os alunos que têm alguma deficiência mental.

Não tive dificuldades para realizar o meu estágio. Referência Bibliográfica FREIRE, Paulo. Pedagoga do Oprimido, Rio de Janeiro, Paz e Terra, 2005. 213 p. UNIVERSIDADE DE GUARULHOS Relatório final de Estágio Supervisionado em Matemática Evanio Viana Nobre

Relatório do estágio supervisionado ii

0

1 APRESENTAÇÃO O Estágio Supervisionado II foi realizado no centro infantil professora M. LS, no período de 19 de março

Read More

Recursos humanos

0

RECURSOS HUMANOS Prof. a Adriana Giovanela Centro Universitário Leonardo da Vinci – UNIASSELVI Administração – Estágio 06/12/2011 RESUMO 1 orlo

Read More