Relatório de estagio inglês

Categories: Trabalhos

0

SUMÁRIO 1 . l. lntrodução 8 2. CONTEXTO DE REALIZAÇAO DO ESTAGIO 8 2. 1. O Estágio 8 2. 2 A escola. 2. 3 A Comunidade 10 2. 4. As urmas 11 2. 5. Os Alunos 11 2. 6. O professor 11 3. RELATÓRIO DE 3. 1. Aula 1 13 3. 2. ALIIa2 14 3. 2. Aula 3 15 3. 2. Aula4 16 1 or12 to view nut*ge 4. RELATÓRIOS DE PARTICIPAÇÃO 17 4. 1. Aula 1 17 4. 2. Aula2 18 5. RELATORIO DE REGENCIA 20 5. 1. 20 5. 2. Aula 2 21 5. 3. ALIIa3 22 5. 4. Aula4 23 5. 5. Aula 5 24 5. 6. Aula 6 25 5. 7. Aula 7 (sexta-feira) 26 5. 8. Aula8 27 5. 9. Aulag 28 5. 10. Aula 1029 60 ano, do turno Noturno, na modalidade EJA.

O estágio foi rientado pelo professor José Luiz Ferreira, com a duração de 50h horas/aula, divididos em 10h de observação, 10h de participação e 30h de regência. 2. CONTEXTO DE REALIZAÇÃO DO ESTÁGIO 2. 1. O Estágio O Parecer número 21, de 2001, do Conselho Nacional de Educação, define o Estágio Curricular da seguinte maneira: “tempo de aprendizagem que, através de um período de permanência, alguém se demora em algum lugar ou oficio para aprender a prática do mesmo e depois poder exercer uma profissão ou ofício.

Assim, o estágio supõe uma relação pedagógica entre alguém que já é um profissional reconhecido m um ambiente institucional de trabalho e um aluno estagiário é o momento de efetivar um processo de ensino/ aprendizagem que, tornar-se-á concreto e autônomo quando da profissionalização deste estagiário. ” O estágio é importante porque o estudante, como estagiário, observa, comenta pesquisa, discute tarefas, sempre acompanhado por um profissional experiente. Ele deve ser concebido como um dos elementos da formação do aluno, envolvendo o ensino, a pesquisa e a extensão.

Ele tem objetivo de ajudar na construção e socialização do conhecimento, enquanto processo social, coletivo e histónco, contribuindo para formação do profissional desejado. A iniciativa, criatividade, facilidade em resolver problemas e vontade de aprender são características essenciais que todo estagiário deve ter, já que o estágio é uma oportunidade de a rendizagem prática que proporcionará experiência Por isso, ser criativo, 19 toma a postura de professor, realizando todos os preceitos docentes.

Além de preparar o estagiário para a realidade da vida docente, e sociabilizá-lo, com a realidade vivida em um ambiente escolar, o estágio também proporciona uma troca de experiências entre ele e o mestre que já atua lecionando e proporcionando ma participação ativa de seu próprio desenvolvimento como também o da sociedade. 2. 2 A escola O Centro de Estudos Supletivos Asa Sul – CESAS, está situado ? SGAS 602 — projeção D, Asa Sul, Brasília-DF.

A escola está sob a direção de Maria Aparecida C. Abreu Curti. Atualmente, o corpo docente do CESAS é formado por 175 professores, três Orientadoras Educacionais, 14 Assistentes de Educação/Apoio Administrativo, 19 Auxiliares de Educaçào/Conservaçào e Limpeza e cinco Auxiliares de Educação/Vigilância. O CESAS é uma instituição pública da Secretaria de Estado e Educação do Distrito Federal, na modalidade EJA, atende ao prmeiro, segundo e terceiros segmentos do EJA, nos três turnos diários.

O corpo discente é constituído de jovens que, em sua maioria, apresentaram insucesso na escola regular, jovens que exercem atividades na cadeia produtiva, jovens da inclusão, trabalhadores dos diversos setores da economia,bem como donas de casa e auxiliares do lar,residentes no D. F e na região do entorno. Em sua grande maioria de baixa renda, o que dificulta a frequência diária à escola. A quantidade de alunos matriculados caiu significantemente partir da proposta de Educação de Jovens e Adultos, que estabeleceu a presença obrigatória em cursos semestrais.

O CESAS conta com quase 400 alunos portadores de necessidades educativas especiais, matriculados regularmente e atendidos em salas de recursos nas uais se procura promover, de fato, a sua inclusão nas s, com acompanhamento PAGF 12 bebedouros, sendo quatro quebrados, em todas as salas que entrei tinham muitas carteiras em bom estado. Há ventiladores nas salas, mas nem todos funcionam bem, em uma sala em especial, o ventilador parecia que ia cair em nossas cabeças. Todas as salas possuem quadro branco; o laboratório de nformática está em ótimo estado de conservação, os computadores não são tao novos, mas estão funcionando.

A escola conta com internet banda larga e disponibiliza o sinal para acesso à internet. A biblioteca está em bom estado de conservação também. 2. 3 A Comunidade A comunidade acadêmica é formada por adolescentes, adultos, pessoas da terceira idade e alunos portadores de necessidades especiais (cegos, surdos, deficientes físicos e etc). O CESAS atende, em sua maioria, jovens entre 15 e 21 anos, predominantemente no período matutino. Já no período noturno a predominância é de adultos, onde a maioria se encontrava ursando as fases iniciais do ensino fundamental (prmeiro segmento).

Boa parte dos usuários dessa modalidade de ensino é formada por pessoas que trabalham durante o dia e estudam no turno noturno. Por esse motivo, os alunos matriculados neste estabelecimento de ensino são originários de todas as regiões do Distrito Federal e entorno, sendo importante destacar que a maioria mora nas Cidades Satélites. Do mesmo modo, o CESAS recebe alunos de todas as condições sociais e econômicas, sendo muito comuns os casos de alunos que não dispõem de recursos para pagar o transporte elou o material escolar. . 4.

As Turmas A instituição não tem uma olitica de ensino voltada para idade dos alunos, pois na estagiei existem PAGFd0F12 isso lá. O professor faz a chamada e mais da metade da turma já está reprovada por excesso de faltas. Não há acompanhamento por parte dos pais. 2. 6. O Professor Estou sob a supervisão do professor José Luiz Ferreira. Nesses dias de estágio percebi que ele tem os alunos na mão. Tem a confiança de todos eles. Todos a respeitam. Em nenhum momento presenciei algum aluno desacatando-o. Ao passarem em frente à porta, os alunos param para cumprimentá-lo.

Ele tem uita paciência para ensiná-los e em suas aulas ela usa a didática da intertextualização, contando muitos fatos. para o professor os erros são vistos como algo inevitável, algo que pode ser usado construtivamente no processo de ensino, fazendo com que eles percam o medo do inglês . A escola disponibiliza o livro didático de língua estrangeira, porém, o professor prefere montar seu material para que os alunos tirem cópia. São apostilas pequenas que contém o conteúdo e as atividades. xxxxxxxxxxxxxxxxxxxxxxxxxxxxxxxxxxxxxxxxxxxxxxxxxxxxxxxxxxxx XXXXXXXXXXXXXXXXXXXXXXXXXXXXXXXXXXXXXXXXXXXXXXXXXXXXXXXXXXXX

XXXXXXXX_xxxxxxxxxxxxxxXXXXXXXXXXXXXXXxxxxxxxxxxxxxxxXXXXXXXX xxxxxxxxxxxxxxxxxxxxxxxxxxxxxxxxxxxxxxxxxxxxxxxxxxxxxx 4. RELATÓRIOS DE PARTICIPAÇÃO 4. 1. Aula 1 Data: 07/10/2011 (sexta-feira) Hora/aula: 2h30min. Escola: Centro de Estudos Supletivos Asa Sul – Turma: A CESAS xxxxxxxxxxxxxxxxxxxxxxxxxxxxxxxxxxxxxxxxxxxxxxxxxxxxxxxx XXXXXXXXXXXXXXXXXXXXXXXXXXXXXXXXXXXXxxxxxxxxxxxxxxxXXXXXXX PAGF 19 abordados. Pode-se também observar que o retorno foi satisfatório não apenas pelo aprendizado, pelos gestos de aceitação, pelo retorno dado a cada atividade aplicada em sala de aula, via-se que a reciproca era verdadeira. 5. Aula 1 Data: 14/10/2011 (sexta-feira) Escola: Centro de Estudos Supletivos Asa Sul Turma: 6a A – CESAS xxxxxxxxxxxxxxxxxxxxxxxxxxxxxxxxxxxxxxxxxxxxxxxxxxxxxxxxxx 5. 2. Aula 2 Hora/aula: 2h30min Escola: Centro de Estudos Supletivos Asa Sul – CESAS Turma: 6′ g xxxxxxxxxxxxxxxxxxxxxxxxxxxxxxxxxxxxxxxxxxxxxxxxxxxxxxx 12 com as experiências vivenciadas, uma vez que isso ajuda muito o aluno em seu aprendizado. REFERÊNCIAS BIBLIOGRÁFICAS BRASIL Lei ne 11 . 788, de 25 de setembro de 2008. Dispõe sobre o estágio de estudantes. Dispon[vel em: . Acesso em: 25 mar. 2010. BRASIL. MEC. Parâmetros Curriculares Nacionais: Ensino

Fundamental. Brasília: MEC, 2000. Cartilha Esclarecedora sobre a Lei do Estágio (Lei no 1 1 . 788/2008), Ministério do Trabalho em Emprego, Brasília, ano de 2008. Língua Inglesa I Turma(s) B Turno: Noturno 5 h/a Data: I OBJETIVOS 6a A e 114/10/2011 CONTEÚDOS PROCEDIMENTOS MATERIAIS/RECURSOS I Carga Horária: ICRONOGRAMA I dentificar os verbos no Passado simples Aula iniciada com a explicação de exemplos por meio de frases curtas l- Quadro passado simples o passado simples. I – exto impresso Uso do passado simples nos I 15 horas/aula. utilizando Questionamentos em relação a semelhança nos verbos. Iverbos. erbos regulares e lirregulares Explicação sobre a terminação “ed” nos verbos regulares —Atividade de ‘Avaliar através da atividade I fixação. Explicação sobre os verbos irregulares no passado simples-Distribuição da lista do verbos irregulares. Atividade de fixação INFINITIVE (INFINITIVO) I PAST SIMPLE TRADUÇÃO to arise to be Ito bear Ito beat Ito become Ito begin Ito behold I to bend to bet arose was/were Ibore beat I became began beheld bent I bet surgir, elevar-se ser, estar Ilevar, suportar, dar à luz bater, derrotar, pulsar tornar-se Icomeçar, principiar ver, observar curvar(se), inclinar a ostar

Uso do swot

0

uso do SWOT – case Vamos exemplificar uma situação em que encontramos uma visão consolidada da seguinte maneira: Forças Produtos

Read More

Modelo artigo científico – ufsc

0

Modelo de Artigo de periódico baseado na NBR 6022 , 2003. Título do artigo, centralizado. COMO ELABORAR UM ARTIGO CIENTIFICO

Read More